O Fabuloso Quadrinho Brasileiro de 2015 (vários autores)

O Fabuloso Quadrinho Brasileiro de 2015 (vários autores)
R$97,00
3x de R$32,33 sem juros
Ver detalhes das parcelas
Cálculo de frete:

Formato: 19,5 x 25 cm
Páginas: 306
Editora: Cachalote
Idioma: português
País de Origem: Brasil

O Fabuloso Quadrinho Brasileiro de 2015 é a antologia que procura dar um panorama do que foi produzido por quadrinistas do país no período entre julho de 2014 e junho de 2015. Organizado por Rafael Coutinho e Clarice Reichstul, o livro conta com o jornalista e tradutor Érico Assis como editor convidado.
A partir de uma chamada via internet, 259 autores nacionais enviaram sua produção no período. Outros foram convidados por organizadores e editor. No total da seleção, 37 nomes se destacaram para compor as 304 páginas da antologia.

“Se esse Mundo Lá Fora anda ouvindo e pensando que o quadrinho brasileiro é fabuloso, é bom que alguém coloque placas bem grandes em todas as estradas que digam como chegar a esse tal quadrinho brasileiro fabuloso. Não só àquele quadrinho, a esse quadrinho, a um quadrinho. Ao quadrinho.Se você é uma pessoa do Mundo Lá Fora, seja bem-vinda. Este é O Fabuloso Quadrinho Brasileiro de 2015” – Trecho da introdução de Érico Assis

A antologia será a primeira de uma série. A cada ano, um editor ou editora convidado seleciona o que considera o melhor da produção de quadrinhos brasileiros – seja impresso ou digital, de grandes editoras ou independente, de tiras a graphic novels.
A seleção de 2015 traz trechos de álbuns muito comentadas no ano – comoDois Irmãos, de Fábio Moon e Gabriel Bá a partir da obra de Milton Hatoum, Talco de Vidro, de Marcello Quintanilha, e Klaus, de Felipe Nunes –, seleções da vasta produção de tiristas – Laerte, Alexandra Moraes, Odyr, Ricardo Coimbra – e material até então restrito à internet – de André Ducci, Pedro Cobiaco, LoveLove6, Pacha Urbano –,entre várias outras HQs completas e parciais que vão desde a tradição da crítica social mordaz até os expoentes do mangá no Brasil.

Sobre os organizadores e o editor convidado:
Rafael Coutinho é editor, artista plástico e quadrinista. Nascido em São Paulo em 1980, se formou em Artes Plásticas pela UNESP em 2004. Dono da Editora Cachalote, fundada por ele mesmo em 2010, publicou mais de vinte títulos. Como autor, é conhecido pelos livros Cachalote (Quadrinhos na Cia – 2010), O Beijo Adolescente (ed. Cachalote) e As Aventuras do Barão de Munchausen (ilustrador, Cosac Naify – 2014)
Clarice Reichstul é formada em cinema pela FAAP. Foi diretora do festival Resfest Brasil, escreve crônicas para crianças, foi publicada no caderno Folhinha do Jornal Folha de São Paulo semanalmente entre 2012 e 2014. Edita o Lupaluneta, um blog de videos para crianças e pais assistirem juntos.
Érico Assis é jornalista e tradutor dedicado especialmente a quadrinhos. Colaborou durante mais de 10 anos com o website Omelete, tem uma coluna no Blog da Companhia e também escreve no site pessoal A Pilha.