Granizo (Felipe Portugal)

R$4,00
Conheça nossas opções de frete

Formato: 28 x 32 cm
Páginas: 16
Editora: Ugra Press
Idioma: Português
País de Origem: Brasil

Granizo é uma história de guerra. Uma guerra hipotética no meio da neve. Ainda assim, a HQ convida o leitor a pensar sobre dilemas reais. Ética, ciência e, claro, a própria guerra, são temas que transcendem a hipótese.
Ao marcharem na neve, Pipo, Zeca e Raimundo se esquentam como podem. Os jornais sobre o fim da guerra ainda não chegaram nas trincheiras e, mesmo que cheguem, nossos protagonistas mal sabem ler francês para descobrir que o conflito foi finalizado. 
Esta é uma sátira de um dos lados mais sombrios da sociedade: a guerra. Talvez você não consiga rir com a consciência limpa.
Impressa em formato tablóide, a HQ foi feita no final de 2017 e é diretamente inspirada nas histórias de Kurt Vonnegut - famoso satirista norte americano responsável pela obra Matadouro 5. O autor, Felipe Portugal, nasceu em São Paulo mas foi criado a vida inteira no Maranhão e desde 2011 faz quadrinhos para a internet. Granizo é uma de suas primeiras HQs impressas.

"Sem dúvida, uma das HQs mais singulares e interessantes lançadas no Brasil em 2018." (Ramon Vitral)

"Já parecem eras desde que Felipe Portugal era só um moleque mangazeiro solto nesta buraqueira do quadrinho nacional, tentando encontrar seu lugar ao sol. Com o passar dos anos, ele foi desenvolvendo um estilo prosaico que se funde com a linguagem das tiras (próximo de Schulz), colocando-se em primeira pessoa e desferindo comentários irônicos/dadaístas na forma de HQ indie. Este Granizo, publicado como um jornalzinho pela Ugra, é um de seus auges. Trata-se de uma paródia de guerra estilo Monty Python/Dr. Fantástico que consegue ser em si absurda e ao mesmo tempo revelar também um mundo absurdo, marcas indeléveis de uma boa narrativa no front. Lembra o grande Mort Walker (falecido em 2018), sinal de que Felipe marcha confiante na direção certa." (Ciro Marcondes - Metrópoles)

Clique aqui e confira a entrevista de Felipe Portugal sobre Granizo para o blog Vitralizado.